#PósJogo | Guriazinhas perdem na estreia do campeonato, mas mostram bom futebol

Em um jogo disputado, as Guriazinhas Furacão perderam na estreia do time no Brasileirão Sub-18 por um placar de 2 a 1, contra o América-MG.


Em uma parceria com o Gurias Football e o Imperial FC, foi formado o time sub-18 atleticano, que já ganhou o apelido de "Guriazinhas Furacão". O campeonato Brasileiro da categoria tem 6 grupos de 4 times cada, as Guriazinhas estão no grupo B juntamente com América, Inter e Sport.


Nesse time temos as já conhecidas Bia e Giba, que foram titulares da equipe principal e também Júlia, que teve poucos minutos na equipe de cima. O treinador desta equipe é o Leandro Chibior, técnico super experiente no futebol, principalmente no feminino, estava como técnico do Imperial e nessa parceria com o CAP assumiu o sub-18.


Vamos para o jogo?

O primeiro tempo foi bem disputado e cheio de lances de perigo. As Espartanas do América-MG chegavam com mais frequência e acabaram levando a melhor: o primeiro lance foi aos 12', quando Maria Mendes foi até a linha de fundo e cruzou rasteiro para trás para Sthefani que chutou para o gol, mas a goleira das Espartanas defendeu. Poucos minutos depois, após uma saída errada de bola, a atacante Aisha chutou forte de longe, a bola passou raspando a trave atleticana. Após a batida da meta, as Mineiras recuperaram a bola com Naiara, que chegou pelo meio chutando rasteiro, mas a arqueira das Gurias fez uma defesa maravilhosa. Nos 34', Gisele soltou uma bomba do meio do campo que encobriu a goleira Kailany, mas a trave estava a nosso favor e nos salvou de ficar atrás no placar, mas essa sorte não durou muito. Dois minutos depois, Kailane recebeu um lançamento pela esquerda e chegou dividindo com a goleira atleticana, levando a melhor sobre a sua xará e abrindo o placar pro time de Minas.


O segundo tempo teve mais bola das Guriazinhas, mas não foi o suficiente para empatar o jogo. Logo no início, em uma dividida na pequena área, Naiara sofreu um pênalti, Camilly chutou rasteiro no canto direito marcando o segundo do time da casa. Nayara novamente recebeu uma bola em profundidade e saiu cara a cara com a goleira atleticana, que em um X de handebol conseguiu defender, a bola ainda espirrou para mais uma tentativa da atacante, mas a zagueira Bia estava cobrindo a meta aberta e tirou de cabeça para escanteio! Foi então que as atleticanas se acharam em campo. Júlia recebeu em profundidade, chutou rasteiro tirando da goleira, mas a bola saiu pertinho da trave pela linha de fundo, sendo o primeiro lance de perigo delas na partida.


Aos 21', após uma cobrança de falta da capitã Bia, a bola ficou em um bate-rebate na pequena área, e por pouco não saiu o primeiro das Guriazinhas. Em mais uma cobrança de Bia, a atacante Gabriela tentou uma bicicleta, mas a goleira defendeu com tranquilidade. No último minuto regular da partida, Bia, que estava na área em cobrança longa de falta, dominou no peito já fazendo o giro e tocando pro gol, mas a meia campista Jessica tirou a bola em cima da linha. No apagar das luzes, De Paula e Júlia chegam em toques rápidos na pequena área, até que PÊNALTI! A centroavante Maria Mendes cobrou alto no canto esquerdo, marcando não só o primeiro gol das Guriazinhas na partida, mas também o primeiro da história do time sub-18.


O jogo em um todo foi muito bem disputado. No início, pelas linhas altas das Espartanas, as nossas Guriazinhas tiveram dificuldade de mostrar o bom futebol e potencial que carregam. Nos últimos 20 minutos de jogo, o técnico Leandro tentou algumas mudanças táticas e fez algumas trocas nas peças de criação. Com isso, o time melhorou e quase conseguiu arrancar o empate na estreia da categoria e do campeonato.


O próximo jogo das Guriazinhas é na quinta-feira (08/07), contra o Internacional, que ganhou o primeiro jogo por 3x0 em cima do Sport.



Escalações:


Athletico: Kailany; Lais, Giovana, Bia, Emilly, Agatha, Giba, Sthefani, Julia, Maria, Maria Mendes

TC: Leandro Chibior


América-MG: Larissa; Bianca, Aisha, Daniela, Fernanda, Jessica, Naiara, Kailane, Ana Julia, Gisele, Camilly

TC: Talita de Oliveira


Por Mariah Vieira

LAB da Furacão LGBTQ



0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo